sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Disparate qualquer (Parte ??)

Um bocadinho perdida na conta dos disparates :), e baralhada pelo efeito de uma anestesia... acharam-me com cara de Bicho, não só me deram uma dose cavalar como me receitaram os mesmo antibiótico que o veterinário receitou à minha gata... :)

Aproveitando a onda dos efeitos vários, e uma incapacidade temporária, com tempo... mas sem grande coordenação sináptica, lembrei-me de uma forma de poesia japonesa :), Haiku, cuja arte reside em dizer muito com o mínimo de palavras :), ora aqui vai:

Porque é lindo um dia chuva?
Porque não há vinho sem uva!!!!

;)

2 comentários:

Bicho disse...

Nem haste que não dê em parreira
se a casta for veradeira!

Bicho disse...

ooooooooooops tava-me a correr tão bem...até que me esqueci do "d" :)